Discuta aqui bocha, curling, boliche e outros esportes!

 EduFW28
  •  10999 posts
  •  07/01/2013, 17:02
     

    Avatar do usuário

    Bom tópico, passarei a acompanhar pelos links. Pentaestrelado.

     Farofas
  •  103028 posts
  •  07/01/2013, 17:15
     

    Avatar do usuário

    tem um easter egg no tópico, mas ninguém viu :suando:

     Farofas
  •  103028 posts
  •  07/01/2013, 17:19
     

    Avatar do usuário

    Michelin faz concurso cultural para o Rally Dakar 2013

    Imagem


    Rio de Janeiro - A Michelin realiza um concurso cultural em seu site que mede os conhecimentos dos consumidores sobre o Rally Dakar 2013.

    A empresa é a fornecedora oficial de pneus para os carros e as motocicletas da competição, que ocorre até o dia 20 de janeiro no Peru, Argentina e Chile.

    O “Rally de Prêmios Michelin” é dividido em 14 etapas e tem o objetivo de divulgar o patrocínio da marca à prova automobilística. Os usuários precisam responder às perguntas propostas no menor tempo possível até o dia anterior ao fim do evento, dia 19.

    Os participantes que tiverem as maiores pontuações ganham prêmios exclusivos, como um iPad para o primeiro colocado e um Guia Michelin e outros brindes para os demais vencedores.
    Editado pela última vez por Farofas em 07/01/2013, 17:24, em um total de 1 vez.

     Farofas
  •  103028 posts
  •  07/01/2013, 17:23
     

    Avatar do usuário

    López vence 3ª etapa do Dakar nas motos, e Despres assume liderança geral


    Imagem

    O chileno Francisco López (KTM) venceu nesta segunda-feira a terceira etapa do Rally Dakar 2013, entre as cidades peruanas de Pisco e Nazca, na qual o francês Cyril Despres (KTM) chegou em terceiro e assumiu a liderança geral da maior competição off-road do mundo.

    López completou os 243 quilômetros cronometrados da etapa um minuto e oito segundos mais rápido que o português Paulo Gonçalves (Husqvarna), segundo colocado do dia, e agora está na vice-liderança geral. Jean Azevedo, único brasileiro a disputar o Dacar nas motos e que compete com uma KTM, chegou hoje em 31º e está em 35º na classificação.

    Com estes resultados, Despres é o novo líder com uma vantagem de 2min51s sobre 'Chaleco' López, que recuperou o fôlego após uma segunda etapa conturbada. O norueguês Pal Anders Ullevalseter (KTM) está em terceiro no geral, e o chileno Jeremías Israel (Honda) ocupa uma surpreendente sexta posição.

    A etapa 4 do Dakar, nesta terça-feira, começa em Nazca e terá chegada em Arequipa. Serão 718 quilômetros, 289 cronometrados, para motos e quadriciclos; enquanto isso, carros e caminhões vão percorrer 717 quilômetros, 289 cronometrados.

    Este é o trajeto mais perigoso do início do Dakar, com várias subidas em dunas, que devem fazer os pilotos perderem tempo, e uma parte em declive de 2km na parte final do percurso.

    Veja a classificação da terceira etapa do Dakar (os dez primeiros):

    1. Francisco López (CHL-KTM), 2h37:54
    2. Paulo Gonçalves (POR-Husqvarna), a 1min08s
    3. Cyril Despres (FRA-KTM), a 4min08s
    4. Alessandro Botturi (ITA-Husqvarna), a 5min05s
    5. Jakub Przygonski (POL-KTM), a 5min20s
    6. Daniel Gouet (CHL-Honda), a 6min35s
    7. Gerard Farres (ESP-Honda), a 6min58s
    8. Frans Verhoeven (HOL-Yamaha), a 7min22s
    9. Olivier Pain (FRA-Yamaha), a 7min28s
    10. Javier Pizzolito (ARG-Honda), a 7min39s

    Veja a classificação geral após três etapas:

    1. Ciryl Despres (FRA-KTM), 6h15min03s
    2. Francisco López (CHL-KTM), a 2min51s
    3. Pal A. Ullevalseter (NOR-KTM), a 4min59s
    4. Olivier Pain (FRA-Yamaha), a 6min03s
    5. David Casteu (FRA-Yamaha), a 6min08s
    6. Jeremías Esquerre (CHI-Honda), a 6min19s
    7. Frans Verhoeven (HOL-Yamaha), a 8min08s
    8. Jordi Viladoms (ESP-Husqvarna), a 9min08s
    9. Stefan Svitko (ESQ-KTM), a 9min40s
    10. Jakub Przygonski (POL-KTM), a 9min45s

     I'm Sofa King Good
  •  2501 posts
  •  08/01/2013, 12:14
     

    Avatar do usuário

    Quantos já morreram?

     Farofas
  •  103028 posts
  •  08/01/2013, 15:06
     

    Avatar do usuário

    I'm Sofa King Good escreveu: Quantos já morreram?

    por enquanto nenhum.

    até o Sérgio Lafuente esta vencendo a morte :emocao:

     Farofas
  •  103028 posts
  •  08/01/2013, 15:13
     

    Avatar do usuário

    Barreda reage e vence etapa em Arequipa. Després se perde e Pain assume ponta do Dakar

    Imagem


    4ª Etapa
    Nazca - Arequipa (Peru)
    Deslocamento: 288 km
    Trecho cronometrado: 429 km
    Distância total: 717 km

    O Dakar 2013 vai ficando mais difícil a cada dia que passa. Novatos e veteranos vem enfrentando vários desafios para superar as enormes dunas do deserto de Ica, nesta primeira parte da prova, em território peruano. Nesta terça-feira (8), dia da quarta especial do Dakar, o longo trecho de 428 km entre Nazca e Arequipa foi bastante traiçoeiro com dois dos favoritos ao título: Cyril Després e Francisco ‘Chaleco’ López se perderam nas dunas e, consequentemente, ficaram muito para trás em relação aos seus oponentes.

    Melhor para Joan Barreda, que voltou a vencer uma especial depois de um dia terrível, quando concluiu a especial apenas em 23º. O catalão da Husqvarna concluiu o percurso em 3h41min09s e sobrou em relação aos rivais, fechando a quarta etapa 8min23s à frente de Olivier Pain, da Yamaha. Contudo, o jovem francês se deu muito bem. Beneficiado pelos erros de Després e ‘Chaleco’ López, Pain assumiu a liderança geral do Dakar. Després, aliás, caiu para terceiro, já que foi superado por outro francês da Yamaha, David Casteu.

    Como vem acontecendo desde o início da prova, quem larga na frente na competição das motos, que sempre abre o dia no Dakar, enfrenta grandes dificuldades ao longo do percurso. De na segunda-feira quem levou a pior foi Barreda, desta vez foi ‘Chaleco’ López Contardo que sofreu por estar na frente dos rivais. Joan Barreda cruzou o primeiro waypoint, com 52 km de especial, já na liderança, seguido pelo argentino Javier Pizzolito. Després era só o 14º e López Contardo, o 28º. Único brasileiro no grid das motos no Dakar, Jean Azevedo também enfrentava suas dificuldades e vinha em 39º no primeiro waypoint do percurso.

    A liderança se Barreda Bort seguiu por praticamente toda a prova, aumentando sua vantagem após cada waypoint. Dois outros pilotos, em especial, se destacavam: Olivier Pain e Gerard Farres Guell, ambos sempre entre os primeiros colocados. Outro que aparecia com ritmo bastante consistente era David Casteu, companheiro de equipe de Pain na Yamaha.

    Després e López Contardo, no entanto, vinham tentando recuperar o tempo perdido para os rivais, mas a prova seguia complicada. O tetracampeão do Dakar não conseguia reduzir a diferença para os líderes da etapa, assim como o chileno da KTM.

    A zona de meta antes do enorme deslocamento de 288 km até Arequipa teve Barreda Bort como o melhor tempo, seguido pelos franceses Pain e Casteu. Farres Guell ratificou o grande desempenho nesta quarta etapa e fechou em quarto com sua Honda. Piloto oficial da montadora japonesa, Hélder Rodrigues finalmente teve um bom desempenho no Dakar e concluiu a etapa em quinto, à frente de outro luso, Ruben Faria, ‘mochileiro’ de Després na KTM. A equipe de fábrica da Honda teve outro bom resultado ao colocar Javier Pizzolito no top-10, em sétimo. Jordi Viladoms, Jakub ‘Kuba’ Przygonski e Alain Duclos fecharam o rol dos dez primeiros.

    Imagem


    Després concluiu a etapa desta terça-feira apenas em 15º, fechando o dia 17min35s atrás de Barreda Bort, o vencedor da especial. Bem longe da posição triunfal do dia anterior, ‘Chaleco’ López foi o 19º, 21min36s atrás do tempo do catalão da Husqvarna. Jean Azevedo cruzou a zona de meta com o 40º melhor tempo da especial com sua KTM 450 Rally Replica.

    Depois de quatro etapas, o Dakar tem Olivier Pain como novo líder. Aliás, o Dakar tem uma tríplice liderança francesa. O piloto da Yamaha está 2min24s à frente do companheiro de equipe Casteu. Després caiu para terceiro, 3min09s atrás do compatriota e novo líder do maior rali do mundo. A incrível recuperação de Barreda o colocou novamente na luta pelo título. Agora o catalão ocupa o quarto lugar da competição, seguido por outro piloto da Husqvarna, o também espanhol Jordi Villadoms. ‘Chaleco’ López despencou da vice-liderança para o oitavo lugar, enquanto Jean Azevedo ocupa agora a 32ª posição na classificação geral.


    Imagem

     Farofas
  •  103028 posts
  •  08/01/2013, 15:18
     

    Avatar do usuário

    Imagem

     I'm Sofa King Good
  •  2501 posts
  •  08/01/2013, 16:00
     

    Avatar do usuário

    Farofas escreveu:
    I'm Sofa King Good escreveu: Quantos já morreram?

    por enquanto nenhum.

    até o Sérgio Lafuente esta vencendo a morte :emocao:
    Até o Lafuente? Poxa... bárbaro :feliz2:

     Farofas
  •  103028 posts
  •  08/01/2013, 17:47
     

    Avatar do usuário

    Imagem
    Editado pela última vez por Farofas em 08/01/2013, 17:55, em um total de 1 vez.

     Farofas
  •  103028 posts
  •  08/01/2013, 17:53
     

    Avatar do usuário

    Imagem

    Imagem

    Imagem

    Imagem

     Farofas
  •  103028 posts
  •  09/01/2013, 10:44
     

    Avatar do usuário

    Robby eterno


    Ex-piloto da Indy capota jipe Hummer no Rally Dakar


    Imagem

    Você acha impossível capotar um jipe de mais de duas toneladas em um deserto de areia? Isso não é tão difícil assim se quem estiver ao volante for o norte-americano Robby Gordon. O piloto, que está prestes a completar 44 anos, deu adeus às chances de título no Rally Dakar 2013 ao deixar seu Hummer H3 laranja com as quatro rodas para o ar no primeiro trecho da especial cronometrada entre as cidades de Nazca e Arequipa, no Peru. O acidente aconteceu no 29º km dos 288 cronometrados desta terça-feira, no deserto de Ica.

    Gordon e o navegador Kellon Walch saíram sem ferimentos, mas ficaram parados por quase três horas esperando o resgate, que foi feito pelo caminhão de Jroslav Valtr. A dupla completou a especial, mas a desvantagem em relação aos líderes é muito grande. Eles chegaram em 92º lugar, a mais de cinco horas do primeiro colocado. Ironicamente, a dupla vinha de um bom segundo lugar no dia anterior, quando mostrou que tinha chances de conquistar um bom resultado no Dakar. Agora, eles figuram em um distante 43º lugar no geral.

    Polêmicas fora das pistas

    Tão veloz quanto falastrão, Robby Gordon já virou uma figura folclórica no automobilismo. O piloto, que brigava contra a balança na época em que correu na Indy, na década de 1990, também se aventurou pelos ovais da Nascar antes de fixar sua carreira no universo dos ralis. Disputando o Dakar desde 2005, ele coleciona vitórias isoladas em etapas, mas também muitos abandonos. Seu melhor resultado foi um terceiro lugar na edição de 2009.

    Imagem

    O histórico de confusões de Gordon já vem de longe. Em 2005, em uma prova da Nascar em New Hampshire, ele se envolveu em um acidente com Michael Waltrip e foi forçado a abandonar a prova. Já fora do carro, não teve dúvidas: arremessou seu capacete no parabrisa do rival, que passava pelo local em baixa velocidade devido à bandeira amarela acionada pela direção de prova. Depois do gesto, Gordon ainda falou se referiu ao piloto usando palavrões durante uma entrevista ao vivo para a rede de televisão que transmitia a corrida.

    No ano passado, já capitaneando a equipe que utiliza os robustos jipes norte-americanos, Gordon se envolveu em mais uma confusão. Ele se desentendeu com o então companheiro de equipe, o Príncipe do Qatar Nasser Al-Attiyah. Após muitos problemas mecânicos e divergências na maneira de trabalhar, o campeão de 2011 do principal rali do planeta disse que nunca mais competiria com Gordon, e nem em um Hummer, chamando a equipe de "imatura". Até o momento, tem cumprido a promessa. Neste ano, Nasser está brigando pelo título a bordo de um protótipo buggy, e tem como companheiro de equipe o espanhol Carlos Sainz, campeão da prova em 2010.

    Imagem

    Nem por isso, Gordon parece ter esquecido de alfinetar o ex-companheiro. Antes do Dakar 2013 começar, ele disse que os carros que seriam guiados por Nasser Al-Attiyah eram feios, usando o termo "buggly" - um trocadilho com as palavras "buggy" (o tipo de carro) e "ugly" (feio). Na opinião do norte-americano, havia um motivo muito claro para tal percepção.

    - Só vi os carros por fotografias. Mas assim como balizei os Minis de carros de mulheres, a estes dou o nome de bugglys, porque são uns buggies muito feios. Nota-se que foi o Nasser que os desenhou - disse.

    No primeiro dia de competição, o jipe Hummer de Gordon protagonizou uma imagem curiosa. No deslocamento entrte Lima e Pisco, o navegador Kellon Walch parou para fazer xixi na estrada, e a imagem foi flagrada por um torcedor, se popularizando rapidamente nas redes sociais.

    Imagem

     Farofas
  •  103028 posts
  •  09/01/2013, 11:05
     

    Avatar do usuário

    5 etapa em andamento.

    Peterhansel indo muito bem até o momento

     Farofas
  •  103028 posts
  •  09/01/2013, 20:50
     

    Avatar do usuário

    Roma vence 5ª etapa do Dakar nos carros, Peterhansel segue na liderança



    O piloto espanhol Nani Roma (Mini) venceu nesta quarta-feira a quinta etapa do Dakar-2013, entre Arequipa, no Peru, e Arica, no Chile, que marcou a chegada da prova ao território chileno.

    Ele foi um minuto e 23 segundos mais rápido do que o francês Stéphane Peterhansel, décacampeão da prova (seis vezes nas motos e quatro no carros), segundo colocado em Arerica, que se manteve na liderança.

    Roma percorreu os 172 quilômetros da prova em 1h 49m40s e ficou em quinto da classificação geral.

    Mesmo sem ganhar a etapa, Peterhansel fez um bom negócio ao ampliar para 9´54 a sua vantagem para o vice-líder Nasser Al-Attiyah (Buggy).

    Nas motos, o francês David Casteu (Yamaha) chegou em primeiro em Arica, e ficou na vice-liderança reduzindo para um minuto a diferença para o compatriota e companheiro de equipe Olivier Pain.

    Classificação da 5a etapa do Rali Dakar-2013 na categoria carros:

    1. Nani Roma/Michel Périn (ESP/FRA/Mini) 1 h 49:40.

    2. Stephane Peterhansel/Jean Paul Cottret (FRA/FRA/Mini) à 1:23.

    3. Robby Gordon/Kellon Walch (USA/USA/Hummer) 1:41.

    4. Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz (RSA/GER/Toyota) 1:51.

    5. Carlos Sainz/Timo Göttschalk (ESP/GER/Buggy) 3:41.

    6. Leonid Novitskiy/Konstantin Zhiltsov (RUS/RUS/Mini) 5:10.

    7. Nasser Al-Attiyah/Lucas Cruz (QAT/ESP/Buggy) 6:01.

    8. Guilherme Spinelli/Youssef Haddad (BRA/BRA/Mitsubishi Racing) 6:41.

    9. Orlando Terranova/Paulo FiAuto-moto-rallye-CL

    10. Carlos Sousa/Miguel Ramalho (POR/POR/Great Wall) 7:54.

    1. Stephane Peterhansel/Jean Paul Cottret (FRA/FRA/Mini) 10 h 55:32.

    2. Nasser Al-Attiyah/Lucas Cruz (QAT/ESP/Buggy) à 9:54.

    3. Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz (RSA/GER/Toyota) 33:50.

    4. Leonid Novitskiy/Konstantin Zhiltsov (RUS/RUS/Mini) 37:35.

    5. Nani Roma/Michel Périn (ESP/FRA/Mini) 37:43.

    6. Guerlain Chicherit/Jean-Pierre Garcin (FRA/FRA/Smg) 56:34.

    7. Ronan Chabot/Gilles Pillot (FRA/FRA/Smg) 1 h 10:35.

    8. Bernard Errandonea/Arnaud Debron (AND/FRA/Smg) 1 h 18:17.

    9. Boris Gadasin/Alexey Kuzmich (RUS/RUS/G-Force Proto) 1 h 31:46.

    10. Pascal Thomasse/Pascal Larroque (FRA/FRA/Buggy Md Rallye) 1 h 32:46.

     dinobass
  •  29595 posts
  •  10/01/2013, 05:30
     

    Avatar do usuário

    muito legal o topico cara, parabens :)

     Farofas
  •  103028 posts
  •  10/01/2013, 13:02
     

    Avatar do usuário

    dinobass escreveu: muito legal o topico cara, parabens :)

    vlw


    pro pessoal que não tem tempo nem paciência para assistir Rally : todos os dias a Fox Sports exibe um especial das 14:30 as 15:00 com o melhor de cada edição.


    vale a pena

     Farofas
  •  103028 posts
  •  10/01/2013, 14:25
     

    Avatar do usuário

    morreram 2 pessoas em Tacna :chorar: :chorar: :chorar:


    mais detalhes já já
    Editado pela última vez por Farofas em 11/01/2013, 11:21, em um total de 1 vez.

     Farofas
  •  103028 posts
  •  11/01/2013, 05:57
     

    Avatar do usuário

    Dois morrem e sete ficam feridos em acidente envolvendo carro de assistência do Dakar

    Imagem

    Duas pessoas morreram e sete ficaram feridas em uma colisão que aconteceu às 21h30 desta quinta-feira (0h30 de Brasília), entre dois táxis e um carro de assistência do Rally Dakar a dez quilômetros da fronteira do Peru com o Chile, para onde se dirige a corrida.

    Tanto os três ocupantes do veículo de assistência como o táxi que evitou a colisão frontal, deu várias voltas e estava ocupado por quatro passageiros, ficaram feridos, enquanto no táxi que bateu frontalmente com o carro da corrida, ocupado por seis pessoas, o motorista e um viajante morreram.

    Todos os feridos foram levados a hospitais da cidade peruana de Tacna, de onde podem ser transferidos de avião ambulância, em função de sua gravidade, para Lima.

    As autoridades peruanas abriram uma investigação para determinar as causas do acidente.

     Farofas
  •  103028 posts
  •  11/01/2013, 05:58
     

    Avatar do usuário

    6ª etapa - motos: Vitória do chileno Francisco Lopes e Pain contínua na ponta


    Imagem

    O Chileno Francisco Lopes (KTM 450 Rally) foi o mais rápido na 6ª etapa do Rally Dakar 2013, realizada nesta quinta-feira, dia 10/01, partindo de Arica e chegando a Calama, no Chile. O percurso de 768 km era dividido em 313 km de deslocamentos e 455 km da especial.

    Nesta primeira especial em terreno chileno os competidores enfrentaram um pequeno trecho de pistas sinuosas, seguida dos primeiros quilômetros no Deserto do Atacama, com muitas dunas e areia. A etapa foi longa e o cansaço acumulado dos dias anteriores pesou no desempenho de alguns competidores.

    Lopes chegou a sua terra natal pisando com o pé direito. Ele conquistou sua terceira vitória de etapa nesta edição do Dakar e subiu na classificação, assumindo a quarta colocação, atrás do trio francês que lidera a prova: Pain, Despres e Casteu. Lopes contou com a má sorte do português Paulo Gonçalves (Husqvarna Rally 450 RR) que liderou praticamente todo o trecho cronometrado, mas enfrentou problemas mecânicos no final.

    Outras duas KTM ficaram na sequencia de Lopes, o português Rubem Faria foi o segundo na etapa e Cyril Despres foi o terceiro, mas com gosto de vitória. Com este resultado a classificação geral a posição entre os três primeiros mudou. Olivier Pain (Yamaha YRF 450 Rally) ainda é o líder, mas Despres superou David Casteu e diminuiu muito a diferença para Pain.

    Jean Azevedo (KTM 450 Rally) foi o 31º na etapa.

    Classificação geral após a 6ª etapa (extraoficial):

    1 – Olivier Pain (Yamaha YRF 450 Rally): 11:51:29
    2 – Cyril Despres (KTM 450 Rally): + 00:02:22
    3 – David Casteu (Yamaha YRF 450 Rally): + 00:04:48
    4 – Francisco Lopes (KTM 450 Rally): + 00:06:06
    5 – Rubem Faria (KTM 450 Rally): + 00:08:35

    28 – Jean Azevedo (KTM 450 Rally): + 00:01:40

    Nesta sexta-feira será disputada a 7ª etapa partindo de Calama e chegando a Salta, no Chile. A especial de 218 km será a mesma para todas as categorias, já o deslocamento das motos será mais longo, com 584 km, totalizando 802 km a serem percorridos.

     Farofas
  •  103028 posts
  •  11/01/2013, 06:00
     

    Avatar do usuário

    6ª etapa - carros: Nasser Al Attiyah vence e cola em Stéphane Peterhansel

    Imagem


    O Buggy de Nasser Al-Attiyah foi o vencedor as 6ª etapa do Rally Dakar 2013, disputada nesta quinta-feira, dia 10/01. A rota ligou as cidades de Arica a Calama, no Chile. O percurso de 768 km era dividido em 313 km de deslocamentos e 455 km da especial.

    Na volta da competição ao Deserto do Atacama numa das etapas mais longas desta edição, mesclando pistas, terrenos sinuosos, com muitas dunas, areia fofa e o pó do fesh fesh, Nasser conquistou sua 17ª vitória de etapa na carreira.
    O piloto do Qatar não se abalou com os problemas sucessivos de seu companheiro de equipe, o espanhol Carlos Sainz, que decidiu abandonar a prova. Nasser conseguiu abrir 8 minutos do Mini de Stéphane Peterhansel e reduziu a vantagem do líder na classificação acumulada para apenas 1min18.

    Após seis etapas, Peterhansel e Nasser começam se distanciarem dos demais competidores. Nani Roma que vinha crescendo, teve dificuldades com seu mini na areia fofa do km 71, perdendo mais de 30 minutos, mesmo local onde Giniel De Villiers (Toyota) também havia desperdiçado 10 minutos. O terceiro colocado da etapa foi o americano Robby Gordon.

    Guilherme Spinelli e Youssef Haddad (Mitsubishi) marcaram o 19º tempo na especial e caíram para a 14ª posição na classificação geral. "Logo no início cometemos alguns erros que nos custaram um tempo importante e fomos ultrapassados por vários carros. Lutamos contra a poeira durante toda a especial", afirmou Guiga.

    Classificação geral após a 6ª etapa (extraoficial):

    1 – Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Mini): 14:36:16
    2 - Nasser Al-Attiyah / Lucas Cruz (Buggy) : + 00:01:18
    3 – Giniel De Villiers / Dirk Von Zitzewitz (Toyota): + 00:42:31
    4 - Leonid Novistkiy / Konstantin Zhiltsov (MINI): + 00:44:47
    5 - Guerlain Chicherit / Jean-Pierre Garcin (Buggy SMG) : + 01:16:26

    14 – Guilherme Spinelli / Youssef Haddad (Mitsubishi): + 02:30:45

    MENSAGENS RECENTES

    O melhor conteúdo: seguro, estável e de fácil manutenção, desde 2012