Está querendo discutir por horas a fio? Aqui pode ser o seu lugar!
  • 1
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24

 Touro Mecânico
  •  7982 posts
  •  

    Avatar do usuário

    .Kiko. escreveu:
    Presidente filipino diz que agrediu sexualmente uma empregada doméstica


    https://noticias.uol.com.br/ultimas-not ... estica.htm

    .
    super:
    Duterte passa dos limites

    Enviado de meu Moto G Play usando o Tapatalk

     PQD_Nascimento
  •  2223 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Quem nunca deu uma encoxada na empregada?

     Farofas
  •  169288 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Moro, Bolsonaro e Duterte


    Imagem

    Ao anistiar o policial que mata, o ministro da Justiça inaugura oficialmente a conexão Brasil-Filipinas

    O pacote anticrime do ministro é uma licença para matar. Nas Filipinas, presidida por uma versão asiática do “Mito”, a mesma autorização tem provocado um banho de sangue.

    Sérgio Moro anunciou seu pacote “anticrime”. O texto que será submetido ao Congresso Nacional prevê, dentre outras medidas, a possibilidade de absolvição de policiais que matarem em serviço, se o “excesso” decorrer de “escusável medo, surpresa ou violenta emoção”.

    Além das limitações gerais do documento, esse trecho tem sido duramente criticado por especialistas em segurança pública e entidades de defesa dos direitos humanos.

    Em nome da “legítima defesa”, critérios completamente subjetivos abrem espaço para execuções sumárias.

    Quem não sente medo, surpresa ou emoção durante uma operação policial em cidades violentas como as nossas? No fim das contas, a medida fabrica uma jurisprudência inconstitucional e perversa: a da “carta branca” para a pena de morte praticada por agentes públicos, ademais sem julgamento ou direito de defesa.

    A proposta também reforça sombrias aproximações entre o Brasil e as Filipinas, com Jair Bolsonaro e Rodrigo Duterte. Em seu último comício antes de ser eleito em 2016, Duterte gritou: “Esqueçam as leis sobre direitos humanos!” E anunciou: “Vocês, traficantes, assaltantes e canalhas, seria melhor que fossem embora, porque vou matá-los!”

    Coincidentemente, o filipino é acusado de, no passado, ter liderado “esquadrões da morte”, semelhantes à milícia suspeita de matar Marielle Franco e de ter ligações com a família do presidente brasileiro. Depois que assumiu, Duterte iniciou uma sangrenta “guerra às drogas”, autorizando policiais a atirar em suspeitos que “resistissem à prisão” e prometendo acabar com o narcotráfico.

    Qualquer semelhança com “mirar na cabecinha e atirar” ou “bandido vai pro cemitério” não é mera coincidência. Tampouco é coincidência um projeto de lei que anistia homicídios de forças do Estado motivados por medo, surpresa ou emoção.

    Nas Filipinas, desde que Duterte iniciou sua cruzada, os dados oficiais contabilizam cerca de 5 mil assassinatos desta forma. Organizações como a Humans Right Watch apontam ao menos o triplo, incluindo massacres feitos por grupos organizados paraestatais.

    Parentes de vítimas testemunharam que usuários de droga eram arrastados para fora de suas casas e baleados a curta distância. Uma criança de 2 anos chegou a ser despida e submetida a um exame anal para procurar drogas da mãe. Entre os mortos estão ativistas, defensores de direitos humanos, camponeses e indígenas, parte deles classificados como “terroristas” em listas divulgadas pelo governo. Ou seja, o dito combate ao crime e às drogas foi pretexto para uma política de extermínios, de “limpeza” social e perseguição política.

    Esse morticínio não é feito sequer de forma velada. Em setembro do ano passado, Duterte chegou a admitir a existência de “execuções extrajudiciais” em operações policiais. Antes, havia orientado militares “a disparar nas vaginas” de um grupo de mulheres militantes.

    Lamentavelmente, mesmo separados por um vasto oceano, não estamos tão distantes das Filipinas de Duterte, o qual, não esqueçamos, também foi eleito. Ao longo de sua trajetória, Bolsonaro tampouco fez questão de esconder seus ideais mais bizarros. Atacou os direitos humanos, defendeu o extermínio policial e a violência contra minorias.

    Sobre o massacre de 111 presos no Carandiru em 1992, disse que “morreram poucos, a PM tinha que ter matado mil”. Durante a campanha presidencial, afirmou no Jornal Nacional: “Se o policial matar 10, 15 ou 20, com 10 ou 30 tiros cada um, ele tem que ser condecorado e não processado”. Recentemente, investigações apontaram que gente ligada a integrantes das milícias e esquadrões da morte no Rio de Janeiro trabalhou em seu gabinete e de seu filho.

    Sergio Moro vem de outra trajetória. Apesar de toda sua parcialidade na condução da Operação Lava Jato, sobretudo em relação a Lula, alguns depositaram nele a esperança de moderação e freios às propostas absurdas do chefe. Houve quem acreditasse que ele seria um representante da civilização num governo da barbárie.

    A ilusão teve vida curta. Em menos de um mês assistimos ao decreto que flexibilizou a posse de armas. Agora, o ministro é autor de uma proposta que, na prática, legaliza a pena de morte, ao absolver de antemão a letalidade policial. Vale lembrar que temos números inadmissíveis. Dois anos atrás, 14 cidadãos foram mortos diariamente por policiais no Brasil, totalizando 5.144 vítimas. Temos uma das polícias que mais matam no mundo.

    As relações internacionais do primeiro mês de Bolsonaro na Presidência mostram o tipo de liderança política que o inspira. Vicktor Órban e Matteo Salvini, representantes da xenofobia na Europa, Benjamin Netanyahu e a covardia contra o povo palestino no Oriente Médio, Donald Trump e a separação de crianças imigrantes de seus pais nos EUA.

    Agora o pacote “anticrime” de Sérgio Moro inaugura oficialmente a conexão Brasil-Filipinas.

    https://www.cartacapital.com.br/opiniao ... e-duterte/

     Farofas
  •  169288 posts
  •  

    Avatar do usuário

    se o autor dessa publicação tivesse sido eleito presidente, nosso país seria bem diferente

     GAMEXR BR
  •  1283 posts
  •  

    Avatar do usuário

    O pacote anti-crime do Mouro é igual do Duterte, até por que ele quer liberar caçada extrajudiciais a usuários de drogas :lolsuper:

    Merda Capital as vezes se supera nas doenças.
    Bruceexx  isso

     Farofas
  •  169288 posts
  •  

    Avatar do usuário

    vai nessa que ñ vai ter caçada extrajudicial

     RreloadD
  •  3817 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Só pra constar, esses dias passou aqui pela cidade um missionário dass Filipinas, veio aqui na loja. Fiquei uma hr falando com ele, gnt boa pra krl, simples. Ele adora o Duderte, disse que ta melhorando mt o país, diminuindo crime e matando bandido

     Bruceexx
  •  6209 posts
  •  

    Avatar do usuário

    RreloadD escreveu: Só pra constar, esses dias passou aqui pela cidade um missionário dass Filipinas, veio aqui na loja. Fiquei uma hr falando com ele, gnt boa pra krl, simples. Ele adora o Duderte, disse que ta melhorando mt o país, diminuindo crime e matando bandido
    Eu discordo da política anti-drogas de perseguir usuários, mas dizer que a repressão dele "não funciona" se comparar ao que era antes, é bem leviano daqueles que o fazem.

    A mídia ocidental é a grande culpada nisso, pois te induz a pensar que ele é o Hitler.

     Bruceexx
  •  6209 posts
  •  

    Avatar do usuário

    GAMEXR BR escreveu: O pacote anti-crime do Mouro é igual do Duterte, até por que ele quer liberar caçada extrajudiciais a usuários de drogas :lolsuper:

    Merda Capital as vezes se supera nas doenças.
    Moro perto do Duterte é tipo Pablo Vittar perto do Rage Against The Machine..

    O cara já foi guerrilheiro, fazia parte de esquadrão da morte, motoclub, etc

    Imagem

    Imagem

     Bruceexx
  •  6209 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Essa mina já foi morta? Caralho, fiquei com pena..

     .Kiko.
  •  35262 posts
  •  

    Avatar do usuário

     urubuzepelim
  •  3849 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Bruceexx escreveu:
    RreloadD escreveu: Só pra constar, esses dias passou aqui pela cidade um missionário dass Filipinas, veio aqui na loja. Fiquei uma hr falando com ele, gnt boa pra krl, simples. Ele adora o Duderte, disse que ta melhorando mt o país, diminuindo crime e matando bandido
    Eu discordo da política anti-drogas de perseguir usuários, mas dizer que a repressão dele "não funciona" se comparar ao que era antes, é bem leviano daqueles que o fazem.

    A mídia ocidental é a grande culpada nisso, pois te induz a pensar que ele é o Hitler.
    Mas de certa forma ele é. Hitler também trouxe pacificação e otimismo aos alemães após um período bastante perverso em níveis culturais e sociais.

    Na verdade, um paralelo mais adequado para o Duterte seria o Stálin. As políticas anti-crime são bastante similares. Duterte é comunista raiz.

     SixAxiS
  •  21563 posts
  •  

    Avatar do usuário

    urubuzepelim escreveu:
    Bruceexx escreveu:
    RreloadD escreveu: Só pra constar, esses dias passou aqui pela cidade um missionário dass Filipinas, veio aqui na loja. Fiquei uma hr falando com ele, gnt boa pra krl, simples. Ele adora o Duderte, disse que ta melhorando mt o país, diminuindo crime e matando bandido
    Eu discordo da política anti-drogas de perseguir usuários, mas dizer que a repressão dele "não funciona" se comparar ao que era antes, é bem leviano daqueles que o fazem.

    A mídia ocidental é a grande culpada nisso, pois te induz a pensar que ele é o Hitler.
    Mas de certa forma ele é. Hitler também trouxe pacificação e otimismo aos alemães após um período bastante perverso em níveis culturais e sociais.

    Na verdade, um paralelo mais adequado para o Duterte seria o Stálin. As políticas anti-crime são bastante similares. Duterte é comunista raiz.
    " Hitler também trouxe pacificação e otimismo aos alemães após um período bastante perverso em níveis culturais e sociais."

    Quando? Se ele pregava perseguição aos judeus todo tempo? Não existia alemão judeu? Vc tá louco filho da puta. Fora quem ia contra os ideais do Reich, ia preso tbm.

    Vai tomar no seu cu
    • 1
    • 20
    • 21
    • 22
    • 23
    • 24

    MENSAGENS RECENTES

    Admita...

    Medo de quê? https://youtu.be/qcTKYOPUvgY h[…]

    >Esse filme é muito merda. Não en[…]

    ele deve gostar de um ensopado de tubarão

    Os aliados ocidentais deveriam ter rearmado a […]



    O melhor conteúdo: seguro, estável e de fácil manutenção, desde 2012