Está querendo discutir por horas a fio? Aqui pode ser o seu lugar!
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 34

 popescu
  •  24673 posts
  •  

    Avatar do usuário

    https://noticias.terra.com.br/britanico ... 1ardz.html" onclick="window.open(this.href);return false;

    Em disputa acirrada, 51,8% dos eleitores votam pelo Brexit. Libra esterlina tem maior queda desde 1985. O resultado deve gerar abalos políticos internos no Reino Unido.

    Imagem


    Em disputa acirrada, os britânicos decidiram nesta quinta-feira (23/06) pela saída do Reino Unido da União Europeia (UE), após mais de 46 milhões de eleitores terem ido às urnas no chamado referendo sobre o Brexit. Do total, 51,8% votaram pela saída do país do grupo e 48,2%, pela permanência - 17.410.742 pelo Brexit, 16.141.241 contra.

    As urnas foram abertas às 7h (horário local), e os 382 locais de votação foram fechados às 22h (horário local). Estima-se que mais de 46 milhões de britânicos tenham dado seu voto nesta quinta-feira, dia que ficou marcado como a primeira vez em que um país membro decide deixar a União Europeia. Esta foi a maior participação percentual popular num plebiscito nacional desde 1992.

    Ainda antes do resultado oficial, o líder do Partido da Independência do Reino Unido (UKIP), Neil Farage, celebrou a vitória do Brexit. "Lutamos contra as multinacionais, contra os grande bancos, contra a grande política, contra a mentira, a corrupção. E hoje vencerá a honestidade, a decência e a crença na nação", disse.

    "Que o 23 de junho entre para a nossa história como o nosso dia da independência. Vamos nos livrar da bandeira [da UE], do hino, de Bruxelas e de tudo que deu errado. Espero que essa vitória quebre este projeto fracassado e nos leve a uma Europa de países soberanos negociando entre si", concluiu Farage.

    Farage aproveitou para pedir a renúncia do premiê David Cameron. "Acho que precisamos de um primeiro-ministro do lado do Brexit", opinou, sugerindo alguns nomes. "Essa competição poderia ser entre Michael Gove, Boris Johnson e Liam Fox."

    Resultado deve gerar crises políticas internas no Reino Unido

    A votação foi favorável pela permanência na UE na Irlanda do Norte e na Escócia, onde 100% dos distritos eleitorais votaram contra o Brexit. Por outro lado, País de Gales e o território inglês decidiu pela saída. Na Inglaterra, apenas no sudeste e em Londres predominaram os votos favoráveis pela permanência. Ou seja, áreas rurais e industriais decidiram pelo Brexit.

    O resultado deve gerar abalos políticos internos no Reino Unido. O partido irlandês Sinn Fein se manifestou pedindo por uma votação pela reunificação irlandesa. O presidente da legenda, Gerry Adams, afirmou que se o Reino Unido deixar a UE o governo britânico "perdeu qualquer mandato" para representar os interesses das pessoas da Irlanda do Norte.

    Além disso, a primeira-ministra escocesa, Nicola Sturgeon, afirmou que a Escócia "vê seu futuro na UE"."A Escócia, claramente e decisivamente, votou pela permanência na União Europeia com 62% contra 38%", disse Sturgeon, que, antes do referendo, já tinha mencionado que o resultado poderia antecipar a independência escocesa.

    As primeiras consequências já foram sentidas nas bolsa de valores. Durante a contagem dos votos, a libra esterlina sofreu sua maior desvalorização# desde 1985.

    O referendo foi convocado pelo primeiro-ministro britânico, David Cameron, com intuito de por fim ao debate de décadas sobre a posição do Reino Unido na UE. A campanha, que dividiu lideranças políticas locais e também a população, como se viu no resultado acirrado, focou-se em aspectos econômicos e migratórios e ficou marcada pelo assassinato da deputada Jo Cox, contrária ao Brexit.

    Saída versus permanência

    A campanha pela saída do país do bloco alegava que o Reino Unido perde soberania estando submetido às regras da UE. Os favoráveis também focaram nos problemas gerados pela imigração, alegando que o bloco poderia não conseguir controlar esse fluxo, o que traria muitos estrangeiros para o Reino Unido. O ex-prefeito de Londres Boris Johnson, um dos maiores defensores do Brexit, ressaltou aos eleitores antes da votação que essa seria a última chance de deixar a UE.

    Cameron, por outro lado, foi a principal figura britânica a apoiar a campanha pela permanência do país no bloco, apontando o caos econômico que o Brexit poderá gerar com a perda do acesso ao livre-comércio com a UE. "Vá e vote pela permanência para um Reino Unido maior e melhor dentro da União Europeia reformada", disse o primeiro-ministro na véspera do referendo.

    Líderes estrangeiros, como o presidente americano Barack Obama, a chanceler federal alemã, Angela Merkel, o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, e até o presidente chinês, Xi Jinping, pediram aos britânicos que votassem pela permanência do Reino Unido na UE, uma posição apoiada também por organizações financeiras globais, diversas empresas e bancos centrais.

    Reino Unido e União Europeia

    A UE é uma união econômica e política formada por 28 países, com origens que remontam à criação da Comunidade Econômica Europeia (CEE) em 1957, após assinatura do chamado Tratado de Roma por seis países. Após longo esforço, o Reino Unido ingressou na comunidade em 1973.

    Dois anos mais tarde, em 1975, o país foi às urnas para decidir se deveria continuar fazendo parte do bloco. Assim como hoje, as questões econômicas estavam no centro dos debates. O resultado, porém, foi difernete: 67,2% dos eleitores disseram sim, e apenas 32,8% defenderam a saída da CEE.
    Editado pela última vez por popescu em 24/06/2016, 03:52, em um total de 1 vez.

     popescu
  •  24673 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Imagem


    a pound foi la embaixo :lol:


    hora de me acabar na amazon :bigode:

     Mota Offspring
  •  54406 posts
  •  

    Avatar do usuário

    dolar tinha caído pra 3,33 por otimismo com a votação, bovespa subindo pra caralho

    quero só ver amanhã, vai aumentar pra 3,50 :lolsuper:

     EMR.
  •  6735 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Reino Unido?
    Nao acho...

    http://www.bbc.com/news/world-europe-36617128" onclick="window.open(this.href);return false;

     Farofas
  •  169761 posts
  •  

    Avatar do usuário









     EMR.
  •  6735 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Acho o Brexit bem particular.
    A questao dos imigrantes mal gerida foi um fator determinante para o resultado, vamos ver as consequencias agora e o resultado das negociacoes nos proximos meses / anos...

    Isso vai determinar como a questao economica sera influenciada tambem. Muitos grupos recebem subsidios da europa, tem banco no meio tambem, etc.

    Queriam o Cameron para o inicio das negociacoes e ele ja pulou do barco.
    Irlanda ja esta comecando a ir contra o "outcome" da brincadeira, Escocia tambem foi remain...

    Vamos ver, sera interessante.

     Mota Offspring
  •  54406 posts
  •  

    Avatar do usuário

    tomara que o reino unido se desmembre também, vai ser melhor pra tudo mundo, menos pro governo

     popescu
  •  24673 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Mota Offspring escreveu: tomara que o reino unido se desmembre também, vai ser melhor pra tudo mundo, menos pro governo
    Pra Irlanda do Norte vai ser uma bosta já que uma grande parcela da população vive do serviço público e recebe muito repasse do governo britânico, que é essencial pra economia deles. Muito se fala que a paz lá só foi possível graças ao fato de todo mundo conseguir seguir suas vidas trabalhando e estudando...

     .Kiko.
  •  35426 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Imagem


    :lol:

     ai caramba
  •  27444 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Mais um duro golpe no globalismo. Falta só o Trump nos EUA e as eleições na Europa

     ViniciusRV
  •  14457 posts
  •  

    Avatar do usuário

     Chrono
  •  25699 posts
  •  

    Avatar do usuário

    O negócio agora é ver se a Escócia e Irlanda do Norte continuam no Reino Unido - que eu dúvida que saiam, principalmente por causa da divisão do petróleo do Mar do Norte.

    Não sei se a onda vai aumentar na Europa, até porque a França não tem apoio político pra isso.

    Só quero ver agora como vai ficar a UE com a França desestabilizada e a Alemanha tendo que segurar tudo nas costas.

     Will-lliW
  •  9096 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Se a Alemanha sair acho que acaba o bloco de vez...

     Lakitus
  •  35856 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Se alguém ainda tinha dúvidas sobre qual resultado torcer, é só ver os posts desse boçal que o Farofas postou.

    PS: acabei de descobrir que sou bloqueado por ele. :lol:

     Farofas
  •  169761 posts
  •  

    Avatar do usuário

    ViniciusRV escreveu:
    QUE TIJOLADA :lol: :lol: :lol:

     EMR.
  •  6735 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Cameron só sai em outubro, confere? Fui enganado pelo forinho.

     Sam Fisher SC
  •  31840 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Will-lliW escreveu: Se a Alemanha sair acho que acaba o bloco de vez...
    Quem sustenta ó bloco e quer manter é justamente a Alemanha
    não faz sentido isso que vc disse

     SixAxiS
  •  21766 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Imagem

     SixAxiS
  •  21766 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Como todo bom esquerdista, em dois argumentos eles caem.

    Pra cada país europeu ter sua autonomia democrática, custou mais de 60 milhões de vidas.

    Hitler e Napoleão tinham o sonho de unificar a europa tbm.

    chupa farofas travesti, VAI ESTUDAR HISTÓRIA.
    • 1
    • 2
    • 3
    • 4
    • 5
    • 34

    MENSAGENS RECENTES

    Tópico da Economia

    @Turin e aquele investimento que você[…]

    Gigantesca explosão em Beirute

    provavelmente foi uma explosão mesmo de mat[…]

    NÃO EXISTE MAIS CLÁSSICO Fabr&i[…]

    Klopp deveria ter ido atrás dele. Ser[…]



    O melhor conteúdo: seguro, estável e de fácil manutenção, desde 2012