O seu lugar para falar asneiras e discutir assuntos variados

 Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Bruceexx escreveu: Certeza que é um gordão se passando por mulher pra ganhar dinheiro em cima dos virjão carente, que nem o "Projeto Melody"
    Na Hololive ñ tem disso, mas nos outros sites rola bastante

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Patriarcado escreveu: Gosto do Japão e dos japoneses, compartilho em muito dos hábitos e da personalidade do povo oriental mas se tem uma coisa que não compactuo em absoluto com eles é no tocante ao trabalho.
    O curioso é que a maioria deles parece gostar dele estilo de vida. No fundo eles sabem que é o preço que se paga por viver num país com alto custo de vida, e agradecem pela oportunidade, pois cada hora a mais de trabalho significa mais dinheiro no bolso.

    Já aqui no Brasil se vc pede pra uma funcionária fazer hora extra diária ela solta os cachorros dizendo que ta sendo tratada igual escrava e não pode tolerar isso de forma alguma. A nossa mentalidade é de que "trabalhar faz mal e dinheiro bom é dinheiro fácil"

     Patriarcado
  •  1547 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Mas trabalhar faz mal mesmo
    Óbvio, muitas vezes somos forçados a trabalhar, principalmente se quisermos obter determinada coisas
    Mas faz mal.

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Patriarcado escreveu: Mas trabalhar faz mal mesmo
    Óbvio, muitas vezes somos forçados a trabalhar, principalmente se quisermos obter determinada coisas
    Mas faz mal.
    se for parar pra pensar, tudo faz mal

    ficar em casa descansando faz mal (sedentarismo)

    E se a pessoa ta fazendo algo que gosta e num lugar onde se diverte, creio q ñ tem problema em trampar por 10 horas seguidas

    A minha curiosidade msm é saber quanto essas vtubers lucram por mês. Isso ta com muita cara de que vai virar moda aqui no Brasil lá pra 2022/2023

     Patriarcado
  •  1547 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Uma pena que na maior parte das vezes o trabalho nos impõe uma rotina estressante e nos priva de fazer coisas melhores como sexo, tomar sol, fazer atividade física, comer com qualidade e sem pressa, ler, meditar etc.
    Para a maioria; isso não se aplica a nós, é claro.
    Também não me parece óbvio que os japoneses realmente gostem disto, mas está mais próximo a um hábito cultivado há séculos que acabou por ser tornar uma característica permanente do povo; às vezes faltam saídas para agir de outra maneira. Aqui no Brasil quem não trabalha e nem estuda não sofre tanta pressão. Lá deve ser um peso na consciência infernal.
    Farofas  isso

     Bruceexx
  •  5675 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Farofas escreveu:
    Patriarcado escreveu: Gosto do Japão e dos japoneses, compartilho em muito dos hábitos e da personalidade do povo oriental mas se tem uma coisa que não compactuo em absoluto com eles é no tocante ao trabalho.
    O curioso é que a maioria deles parece gostar dele estilo de vida. No fundo eles sabem que é o preço que se paga por viver num país com alto custo de vida, e agradecem pela oportunidade, pois cada hora a mais de trabalho significa mais dinheiro no bolso.

    Já aqui no Brasil se vc pede pra uma funcionária fazer hora extra diária ela solta os cachorros dizendo que ta sendo tratada igual escrava e não pode tolerar isso de forma alguma. A nossa mentalidade é de que "trabalhar faz mal e dinheiro bom é dinheiro fácil"
    Não acho que gostam, é mais um apego a tradição deles que é bem forte. Ainda que o governo subsidie um monte de coisa, possuem um dívida pública estratosférica.. taxa de suicídio alta, os mais jovens estão literalmente ferrados.

    Os jovens japoneses que estão trabalhando literalmente até a morte
    Michiyo Nishigaki encheu-se de orgulho quando seu único filho, Naoya, conseguiu um emprego em uma grande empresa de telecomunicações japonesa, assim que concluiu a universidade.

    Naoya adorava computadores, e o novo emprego parecia ser uma ótima oportunidade profissional no competitivo ambiente corporativo japonês.

    Dois anos depois, porém, a mãe começou a notar problemas.

    "Ele me dizia que estava ocupado, mas que estava bem", relembra Michiyo.

    "Até que ele veio para casa para comparecer ao velório do avô e não conseguia sair da cama. Ele me dizia: 'Me deixe dormir um pouco. Não consigo levantar. Desculpe, mãe, mas me deixe dormir", acrescenta.

    Mais tarde, ela soube por intermédio de colegas que o filho estava trabalhando dia e noite.

    "Em geral, ele trabalhava até o horário do último trem, mas se perdesse esse acabava dormindo no escritório", conta a mãe. "Em casos extremos, trabalhava a noite toda até 22h do dia seguinte, totalizando 37 horas de trabalho."

    Naoya morreu aos 27 anos, de overdose de medicamentos. Seu caso foi oficialmente considerado um de "karoshi" - termo japonês para descrever a morte por excesso de trabalho.

    O Japão tem tradicionalmente uma das jornadas laborais mais longas do mundo, e o fenômeno não é novo - o "karoshi" começou a ser identificado nos anos 1960. Mas casos recentes têm colocado o tema na pauta de debates no país.

    Jornada
    No Natal de 2015, Matsuri Takahashi, funcionária da agência de publicidade Dentsu, cometeu suicídio aos 24 anos.

    Logo veio à tona a informação de que ela estava em estado de privação de sono e havia acumulado mais de 100 horas extras nos meses que antecederam sua morte.

    Não é algo incomum, sobretudo entre jovens recém-iniciados no mercado de trabalho, explica Makoto Iwahashi, funcionário da Posse, organização que dá ajuda psicológica telefônica para essas pessoas.

    Ele diz que a maioria dos telefonemas que recebe consiste em reclamações quanto a longas jornadas de trabalho.

    "É triste, porque esses jovens profissionais acham que não têm alternativa", diz Iwahashi à BBC.

    "Ou você pede demissão ou trabalha 100 horas. E se você pede demissão, você não consegue viver", acrescenta.

    Para Iwahashi, a redução da estabilidade profissional aumenta a insegurança dos trabalhadores.

    "Havia karoshi nos anos 1960 e 70, (mas) a diferença é que, ainda que eles tivessem que trabalhar por muitas horas (naquela época), eles tinham emprego garantido para a vida. Não é mais o caso."
    https://www.bbc.com/portuguese/internacional-40140914

     Bruceexx
  •  5675 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Patriarcado escreveu: Aqui no Brasil quem não trabalha e nem estuda não sofre tanta pressão. Lá deve ser um peso na consciência infernal.
    Os famosos neet/hikikomori. Acho que aqui dentro de algum tempo vai ser mais comum esse fenômeno, previdência vai por água baixo
    Editado pela última vez por Bruceexx em 20/05/2020, 01:05, em um total de 1 vez.

     panqueca verde
  •  7049 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Já falei em outros tópicos que essa tendencia de longas jornadas de trabalho vem acabando aqui no Japão.

    Hoje em dia você só pode fazer 45h extras no mês. O governo tem ficado em cima das empresas e aplicaso fortes multas em quem nao cumpre a lei.

    Além disso estão obrigando as pessoas a tirar suas folgas remuneradas. Antes era.comum a pessoa acumular e não gastar nunca e no.fim, perdendo esses dias. hoje pelo.menos metade dos dias você é obrigado a tirar.

    Ainda é um.ritmo bem.diferente do que estamos acostumados, mas antigamente era muito pior. Era comum passar de 100h extras no mês. Prima da minha esposa mesmo falou que chegou a fazer jornada de 16h todos os dias, com um.dia só de folga e que algumas vezes chamavam pra trabalhar.

     Sudit
  •  44152 posts
  •  

    Avatar do usuário

    panqueca verde escreveu: Já falei em outros tópicos que essa tendencia de longas jornadas de trabalho vem acabando aqui no Japão.

    Hoje em dia você só pode fazer 45h extras no mês. O governo tem ficado em cima das empresas e aplicaso fortes multas em quem nao cumpre a lei.

    Além disso estão obrigando as pessoas a tirar suas folgas remuneradas. Antes era.comum a pessoa acumular e não gastar nunca e no.fim, perdendo esses dias. hoje pelo.menos metade dos dias você é obrigado a tirar.

    Ainda é um.ritmo bem.diferente do que estamos acostumados, mas antigamente era muito pior. Era comum passar de 100h extras no mês. Prima da minha esposa mesmo falou que chegou a fazer jornada de 16h todos os dias, com um.dia só de folga e que algumas vezes chamavam pra trabalhar.
    Um amigo de um amigo ta no japão, ai comentou outro ano que o cara tava preocupado pq o governo não estava deixando fazer horas extras. E horas extras era aonde rendia o dinheiro.
    Ai as empresas davam preferencia para os mais jovens, e os mais velhos eram dispensados das horas extras.

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    o sudit, que game é esse q ela tava jogando?

    gostei do final

     Sudit
  •  44152 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Nossa, tem varias youtubers, deve ser do mesmo grupo todas.
    E fazem lives ao mesmo tempo.
    Ontem a meia noite tinha uma apenas conversando e cantando, cantava muito bem, hoje está jogando smash parece que com pessoal do chat. Não sei, pq não sei como funciona smash.
    Farofas escreveu: o sudit, que game é esse q ela tava jogando?

    gostei do final

    Eta, nem tinha visto, isso é tokimeki memorial 2, é bem antigo, acho que era de DC, era famoso nos anos 90.
    Acho que tinha versão porn, acho...
    Farofas  isso

     BlueFox
  •  22 posts
  •  

    Piccolo_san escreveu: que ses acham?

    Já vi uns videos e achei legal, mas não duvido que no fim das contas seja um gordão tetudo por trás.

     -BruceLindo
  •  469 posts
  •  

    Avatar do usuário

    MAS É OBVIO QUE É UM GORDÃO

    Mulher n perde tempo com essas coisas
    se fosse mulher mostraria o rosto por mais feia q fosse

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Sudit escreveu: Nossa, tem varias youtubers, deve ser do mesmo grupo todas.
    E fazem lives ao mesmo tempo.
    Ontem a meia noite tinha uma apenas conversando e cantando, cantava muito bem, hoje está jogando smash parece que com pessoal do chat. Não sei, pq não sei como funciona smash.
    a programação da hololive é bastante organizada

    https://schedule.hololive.tv/

    aliás eu ñ sou do tipo que se comove fácil, mas a história de como a Okayu e a Korone se conheceram (muitos anos antes de virarem celebridades na internet) me emocionou bastante. :emocao:



    hj em dia as duas são inseparáveis, e o sucesso de uma ajuda diretamente a alavancar o sucesso da outra.



    Pra mim são as 2 melhores, junto com a A-Chan

    Imagem

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    -BruceLindo escreveu: MAS É OBVIO QUE É UM GORDÃO

    Mulher n perde tempo com essas coisas
    se fosse mulher mostraria o rosto por mais feia q fosse
    e como vc explica a voz feminina?

     Sudit
  •  44152 posts
  •  

    Avatar do usuário

    -BruceLindo escreveu: MAS É OBVIO QUE É UM GORDÃO

    Mulher n perde tempo com essas coisas
    se fosse mulher mostraria o rosto por mais feia q fosse
    Japão deve ter 10 seiyuus mulheres para cada 1 seiyuu homem.
    Seiyuu são os dubladores.
    É um mercado que mulherada domina, por isso a grande maioria dos animes são basicamente de personagens femininos, alem de vender.

    Então lá não deve ter isso de ter que improvisar um homem gordão se passando por mulher, deve ter agencias com mulher de sobra para esse trabalho, não somente animes e youtubers, mas tbm devem trabalhar em eventos, narrações, apresentações, marketing...

    Assim como desenhista, as mulheres tbm são a maioria.

    Aqui no Brasil tem essa limitação que mulheres só se destacam mexendo a bunda pq nem falar sabem falar direito, no japão existe varias profissões dominado por elas, principalmente no meio artistico.

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    analise perfeita do sudit

    mulherada domina com folga o ramo de entretenimento no Japão

    tem gente que até hj não sabe q Goku e Naruto são dublados por idosas

     -BruceLindo
  •  469 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Farofas escreveu:
    -BruceLindo escreveu: MAS É OBVIO QUE É UM GORDÃO

    Mulher n perde tempo com essas coisas
    se fosse mulher mostraria o rosto por mais feia q fosse
    e como vc explica a voz feminina?
    Ate tu ja teve voz feminina, fafs :lol:

     Sudit
  •  44152 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Farofas escreveu:
    Sudit escreveu: Nossa, tem varias youtubers, deve ser do mesmo grupo todas.
    E fazem lives ao mesmo tempo.
    Ontem a meia noite tinha uma apenas conversando e cantando, cantava muito bem, hoje está jogando smash parece que com pessoal do chat. Não sei, pq não sei como funciona smash.
    a programação da hololive é bastante organizada

    https://schedule.hololive.tv/

    aliás eu ñ sou do tipo que se comove fácil, mas a história de como a Okayu e a Korone se conheceram (muitos anos antes de virarem celebridades na internet) me emocionou bastante. :emocao:



    hj em dia as duas são inseparáveis, e o sucesso de uma ajuda diretamente a alavancar o sucesso da outra.



    Pra mim são as 2 melhores, junto com a A-Chan

    Imagem
    Estava assistindo essa Okayu hoje, pq gostei da voz dela. Ontem estava vendo um video de todas, e ela gostei da voz ai fui assistir.
    Mas ela que tem menos seguidores.
    Farofas  isso

     Farofas
  •  168348 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Sudit escreveu: Estava assistindo essa Okayu hoje, pq gostei da voz dela. Ontem estava vendo um video de todas, e ela gostei da voz ai fui assistir.
    Mas ela que tem menos seguidores.
    ta com 295 mil seguidores com pouco mais de 1 ano de canal

    excelente marca

    e ela é melhor cantando do que jogando games

    MENSAGENS RECENTES

    Duro golpe nos sojistas fans de filminhos: ht[…]

    Nem sabia que dava pra fazer isso :lol: https:[…]

    já pode ir trabalhar hj ou ainda é q[…]



    O melhor conteúdo: seguro, estável e de fácil manutenção, desde 2012